Roupa de Criança

Não há produtos que correspondam à seleção.

Roupa de criança: o bebê cresceu! O que muda?

Quando o bebê começa a crescer e, principalmente, a falar, ele vê a oportunidade de dar pitacos sobre o que quer vestir. Aproveite esse momento para estimular a criança a expressar sua personalidade, mas é importante ter sempre em mãos algumas peças que são curingas e que vão acompanhar o pimpolho nessa jornada.

Além disso, o crescimento faz com que seja necessário compras mais inteligentes. Os bebês perdem roupas muito rápido e por isso os pais precisam ser mais objetivos na hora de escolher as peças. Opte por aquelas mais versáteis, que poderão ser usadas em diversas ocasiões, como body, macacão e calças jeans.


Responsive image

Roupinhas essenciais para crianças entre 1 a 3 anos

Durante os primeiros anos, os papais terão que lidar com muitas trocas de fralda e, por estarem se acostumando com essa nova rotina, vão precisar de toda a ajuda necessária. O body é a peça ideal para o dia a dia por ser fácil de colocar e tirar, exige pouca cooperação do pequeno e tem vários modelos - dos mais simples aos estampados.

Calças de tecidos mais resistentes, como o moletom, protegem o joelho dos pimpolhos enquanto eles engatinham, então tenha sempre no armário. E pode ficar tranquila: essas peças resistem bem à máquina de lavar, então use sem medo.


Responsive image

Tecidos ideais para o movimento das crianças

Quanto mais leve for o tecido, melhor será a movimentação da criança. Um dos mais indicados na hora de comprar roupa de criança é o algodão, já que permite que a pele respire tranquilamente, evitando transpiração desnecessária, alergias e desconfortos. A Loja Era Uma Vez oferece diversos macacões, calças e conjuntos feitos 100% de algodão para o conforto do seu pimpolho.

Já nos dias mais frios, o moletom é recomendado. De uns tempos para cá, ele ganhou novos recortes e modelagens, voltando à moda com força total. É um tecido leve e confortável, permitindo que os pequenos se movimentem à vontade.


Responsive image

Como organizar o guarda roupa das crianças?

O primeiro passo é decidir como você quer dividir as peças: se é por função (para ficar em casa, sair, etc) ou por modelo de roupa de criança (todos os bodies juntos, e por aí vai). Nós recomendamos a segunda opção, agrupando em um só lugar as mesmas peças e subdividindo por função, se achar necessário. Assim, você saberá onde procurar o quê.

Conforme o pequeno for crescendo, é importante envolvê-lo nas tarefas domésticas. Coloque adesivos em cada gaveta ou porta de armário para ele saber onde ficam suas roupas, e criar independência para pegá-las e guardá-las sozinho.


Responsive image

Conjuntinhos para o dia-a-dia

Os conjuntinhos com body são indispensáveis quando falamos de moda infantil. É o tipo de peça que não pode faltar no armário do pequeno por uma série de motivos: são bastante versáteis, podendo ser usados em praticamente qualquer tipo de evento, e práticos. Na hora da correria, é só pegar um conjunto que o bebê estará quase pronto, faltando só os sapatinhos.

Para o dia-a-dia, recomendamos conjuntos com três peças: body, calça e casaquinho. A Best Club Baby tem excelentes peças que oferecem proteção completa para o bebê. Elas são feitas em tecido de suedine e com fio penteado, com proteção no interior para evitar que o bebê tenha contato com o avesso do bordado e tenha reação alérgica.


Responsive image

Moda íntima e desfraldamento

O desfralde é um processo que requer muita paciência dos pais. Muitos médicos recomendam que ele comece a partir dos 18 meses, e é uma etapa de crescimento importante que não deve ser apressada. Cada criança tem o seu próprio ritmo, e comparar o desenvolvimento dela com os coleguinhas só atrapalha o desfralde. Na dúvida, consulte um pediatra.

Uma dica boa é comprar roupas íntimas com personagens infantis para estimular a criança a querer usá-las. Não fique frustrado se não conseguir na primeira (ou décima) vez: comemore as pequenas conquistas. Opte por modelos feito 100% de algodão, e tenha sempre calcinhas e cuecas limpas à mão.


Responsive image

Roupinhas para sair

Se a família tem alguma ocasião especial, vale a pena dedicar um tempinho a mais pensando qual roupa as crianças vão usar. Para os meninos ficarem bem arrumadinhos, mas não formais de mais, a combinação de calça jeans escura com blusa polo e tênis é sempre uma boa pedida!

Já as meninas se sentem verdadeiras princesas usando vestidos soltos, então use sem moderação. Para não restringir os movimentos das pequenas, pode ser uma boa combinar o vestido com uma legging branca ou preta, ou até mesmo uma meia-calça transparente. Nos pés, uma sandália fechada no calcanhar para dar mais estabilidade e garantir que não vai sair no meio das brincadeiras.


Responsive image

Calçados e meias: que tamanho comprar?

Na hora de comprar roupa de criança, é importante não esquecer dos calçados e meias. Para garantir que levará o tamanho correto para casa, o mais indicado é levar o pequeno com você. Ele poderá experimentar e você verá na hora se aquele modelo e tamanho são os corretos. Se isso não for possível, pegue uma régua ou fita métrica para medir o pé da criança. Não se esqueça de fazer isso com regularidade, pois os pimpolhos crescem bastante e muito rápido. Anote tudo em um só lugar e use a tabela de tamanho médio por idade para saber qual é o mais indicado para o seu pequeno.


Responsive image

Marcas de roupa de criança

Algumas marcas de roupa de criança já viraram sinônimo de qualidade. Uma delas é a Lovatinho Moda Bebê, de produção nacional e que une conforto e segurança com preços acessíveis. Eles focam em roupas para o dia a dia do bebê, entregando produtos com excelente custo-benefício. Isso fez com que eles se tornassem uma das marcas mais vendidas da Era Uma Vez!

Outra marca nacional de grande apelo entre nossos clientes é a Everly, que tem excelentes opções de acessórios de inverno para bebê. Seus kits com touca, luva e sapatinho, além de itens avulsos, protegem bem os pimpolhos do frio.


Responsive image

Economia x Crescimento das crianças

Sabemos que a infância é uma época de crescimento constante - e às vezes até rápido demais. Isso faz com que muitos pais se preocupem com roupas, pois acreditam que vão gastar muito dinheiro com peças que não serão usadas durante muito tempo. A parte boa é que é possível encontrar roupa de criança barata e de qualidade, como vocês podem ver na Era Uma Vez.

Uma dica para economizar é focar nas peças fundamentais e que serão usadas com frequência. Calças jeans, vestidos mais simples e blusas com estampas mais neutras são ótimas para a maioria das ocasiões, então é bom tê-las no armário.


Responsive image